4 benefícios da cirurgia bariátrica para a saúde do obeso



Para tratar a obesidade, é necessário avaliar com o médico as melhores opções de acordo com o perfil do paciente. Dentre as opções estão a cirurgia bariátrica, mudança na alimentação, adoção da prática de atividade física, uso de medicamentos. Em muitos casos, recomenda-se, também, um tratamento com especialistas de saúde mental.

A obesidade é um problema que possui impacto negativo em diversos aspectos da vida de uma pessoa. Visto que excesso de peso está associado ao desencadeamento e agravamento de uma série de patologias que podem levar à morte. O obeso tem mais chances de desenvolver problemas como hipertensão, doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2. Além disso, o excesso de peso pode provocar, também, problemas psicológicos, como depressão, ansiedade e baixa autoestima.

A obesidade é caracterizada pelo acúmulo abundante de tecido adiposo. Portanto, um dos métodos para identificá-la é o IMC. É considerado obeso aquele em que o Índice de Massa Corporal seja superior a 30.

Cirurgia bariátrica como tratamento para a obesidade

Em muitos casos, o excesso de gordura corporal não consegue ser tratado pelos métodos clínicos, que incluem orientação e apoio para mudança de hábitos, realização de dieta, atenção psicológica, prescrição de atividade física e farmacoterapia. Para indivíduos que não conseguem um resultado nesse tipo de tratamento em dois anos, a cirurgia bariátrica torna-se uma alternativa de emagrecimento. É indicado também que a cirurgia de redução de estômago seja realizada em pessoas que possuem o índice de massa corpórea (IMC) maior ou igual a 40.

A vantagem da bariátrica é que ela, além de tratar do excesso de peso, age diretamente tratando também diabetes e doenças cardiovasculares.

Benefícios da cirurgia bariátrica

São diversos os benefícios que a bariátrica pode proporcionar para o obeso. Após o pós-operatório já é possível perceber uma melhora na qualidade de vida e bem estar. Veja outros benefícios da cirurgia:

Diminuição da pressão arterial

A hipertensão está diretamente ligada ao excesso de peso e, quanto maior o IMC, mais difícil é controlar a doença. Ou seja, com a dieta adequada, a inserção de prática de atividade física e o emagrecimento gerado por toda essa mudança os níveis de pressão arterial podem ser facilmente controlados.

Controle do diabetes tipo 2

Muitas vezes, o tratamento convencional para diabetes não apresenta o resultado desejado. A bariátrica surge, então, como uma opção de cirurgia metabólica. Os resultados são tão positivos que pesquisas sobre o assunto vem sendo desenvolvidas. Um estudo publicado na revista Diabetes Care, da Associação Americana de Diabete, mostrou que 88% dos participantes tiveram remissão do diabete. Já os demais pacientes registraram melhora no controle de açúcar no sangue.

Controle da depressão

A depressão em pacientes obesos é bastante comum. Com a bariátrica, o paciente ganha mais confiança e, com isso, tem sua autoestima renovada. Quando há quadro depressivo, é preciso que o paciente tenha, também, um acompanhamento psicológico.

Cura de distúrbios do sono

Geralmente, o obeso pode apresentar distúrbios do sono como a apneia obstrutiva e ronco. Com o emagrecimento e a mudança de hábito gerada pela cirurgia, os distúrbios tendem a sumir, uma vez que o paciente apresenta uma melhora significativa na respiração.

Esses são apenas alguns dos benefícios proporcionados ao obeso que passa pela cirurgia bariátrica. O emagrecimento e a adoção de hábitos saudáveis proporcionam a não só vantagens para o corpo. A mente também sofre influências positivas e, com isso, o paciente ganha autoestima e confiança, elementos que vão impactar toda sua vida.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter. Ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto.

© 2019 - Todos os direitos reservados

CRM - SP 138204